mulher segurando celular o metrô

Os telefones celulares se tornaram aparelhos tão úteis e tão viciantes que muitas pessoas não se separam deles nem por um minuto. Como ser mais produtivo tendo o Facebook, o Whatsapp, o e-mail, os vídeos do Youtube ao alcance da mão? Uma série de aplicativos que muitas vezes nos trazem informações na hora em que não deveríamos perder tempo com elas, ou seja, nos incentivam a procrastinar, a adiar o que realmente temos que fazer.

Mas esse mesmo aparelho pode ser a solução para esse problema. São os aplicativos que ajudam a combater a procrastinação. Já existem vários. Selecionamos três para te mostrar.

Como ser mais produtivo usando apenas o seu celular

Wunderlist

Resumindo muito, é uma agenda. Mas é cheia de funções que podem te ajudar a tirar do papel as tarefas que você anotou nela. Você cria pastas que juntam listas de tarefas que relacionem, programa alarmes para não ter perigo de esquecer os compromissos e recebe notificações das mudanças. Afinal, encher a agenda nem sempre é garantia de que tudo será cumprido.

Numa lógica de rede social, o Wunderlist permite compartilhar uma lista com outras pessoas que podem estar trabalhando com você  nas mesmas tarefas. Outra coisa legal é que dá para sincronizar a conta com tablet e computador. Para escrever notas mais longas, por exemplo, o computador pode ser mais confortável.

O aplicativo separa os compromissos e tarefas por dia e por tema. Foto: Reprodução

Grátis, disponível para Android e iPhone.

Cold Turkey

No aplicativo você escolhe quanto tempo ficará com as funções bloqueadas.

Esse é da linha “tolerância zero”. Afinal, cold turkey, que ao pé da letra quer dizer “peru frio”, na verdade significa o ato de interromper um vício sem dó, de uma vez só.

Você programa um determinado tempo, digamos 30 minutos. E durante esse tempo, seu telefone celular fica totalmente bloqueado. Você não consegue abrir nenhum outro aplicativo, fazer ligações e nem sequer desligar o aparelho. Ele recebe chamadas, e nada mais. Se houver uma emergência, você pode tirar a bateria e recolocar. Mas a ideia não é essa.

A ideia é nos desligar desse vício de ficar olhando para o celular o tempo todo e, assim, conseguir ter um tempo mais produtivo para estudar, trabalhar, dar atenção a quem estiver ao seu lado e parar de checar o que há de novo toda hora. O bloqueio pode durar de um minuto a uma hora.

Observação: o “leia mais” está em inglês, mas você não precisa dele, porque o funcionamento é bem simples. Quando abrir o aplicativo, você verá uma bolinha que aumenta o tempo de bloqueio conforme você a arrasta. Sem contar que o ícone é um peru branco superfofo.

Grátis, disponível para Android

Quality Time

Quality Time mostra o tempo que você usou para acessar os aplicativos no celular. Foto: Reprodução

Este é um aplicativo que se propõe a “ficar de olho no que você anda fazendo no celular”. Sabe aquele recurso que os smartphones possuem, de informar quanta energia cada aplicativo consumiu da sua bateria, ou do pacote de dados?

O Quality Time parte desse princípio, mas com uma quantidade bem maior de variáveis. Ele mostra gráficos diários de uso, histórico, alertas sobre excesso de uso e outras funções, incluindo backup de dados em uma “nuvem”, para quem estiver disposto a se registrar.

Basicamente, ele monitora tudo que você faz com o celular, ou seja, quais aplicativos ou serviços você usa e quanto tempo permanece em cada um. Não é tão linha dura quanto o Cold Turkey, mas mostra onde você está abusando e o que está fazendo você procrastinar.

Grátis, disponível para Android

Se você quer entender qual é o segredo de como ser mais produtivo, comece dando uma olhada nesses aplicativos e testando suas funções. Já já isso vira um hábito 😉